Trabalho de paisagismo está deixando avenidas de Bequimão mais bonitas

paisagismo
As principais avenidas de Bequimão estão ficando cada vez mais bonitas com o trabalho de paisagismo feito pela Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Turismo (Sematur). Depois da recuperação do asfalto, agora o prefeito Zé Martins está investindo em tornar a cidade mais verde. O plantio começou nesta segunda-feira (13).

Foram adquiridas 200 mudas de palmeira imperial, grama amendoim e diversas plantas ornamentais. A proposta é transformar os canteiros e praças num grande jardim. “Queremos que esses lugares se tornem pontos de integração e contemplação da natureza, o que com certeza fará bem para mente e olhos da população e dos visitantes”, comentou a secretária de Meio Ambiente e Turismo, Keila Soares.

Já foram plantadas 150 mudas de palmeira imperial ao longo da Avenida Itapetininga, na entrada do município, e na Avenida Santos Dumont, no trecho que fica em frente ao colégio Manuel Beckman. Ainda será feito o paisagismo no portal de entrada da cidade e na Avenida Antônio Dino, desde o centro até o bairro Ferro de Engomar.

“Estamos cuidando do município em todos os aspectos. Iniciamos com os trabalhos que eram mais emergenciais, como a reestruturação da saúde, a infraestrutura de acesso aos povoados e pavimentação asfáltica. Chegou a vez de dar atenção aos detalhes que vão tornar Bequimão um lugar mais bonito e mais agradável de viver”, destacou Zé Martins.

O prefeito ressaltou a importância de a população ser parceira na conservação das plantas e dos lugares públicos. “Todo esse trabalho só vale a pena se for preservado. A Prefeitura está comprometida em fazer a manutenção, mas as pessoas também têm que ajudar a cuidar da cidade e do patrimônio público”, frisou.

Prefeito Zé Martins participa de caravana em defesa da Baixada Maranhense

_DSC7586O prefeito de Bequimão Zé Martins fez parte da 1ª Caravana do Fórum em Defesa da Baixada Maranhense, que aconteceu no sábado (11), no povoado de Itans, em Matinha. O grupo tem se reunido para divulgar as potencialidades naturais da Baixada e conquistar a atenção do poder público e da sociedade civil organizada para a necessidade de investimentos e políticas públicas na região.

Itans foi escolhido para essa primeira ação por se destacar nacionalmente pelo projeto de superação da extrema pobreza rural, por meio da piscicultura. Atualmente, 121 produtores do povoado, monitorados pela Associação de Piscicultores de Itans, mantêm cultivam cerca de 1600 toneladas de peixe ao ano, em 400 tanques construídos para desenvolvimento da atividade. Isso garante um faturamento médio de R$ 7 milhões, anualmente.

“Escolhemos iniciar a expedição do Fórum pelo povoado de Itans, porque este é um dos nossos grandes exemplos de que é possível produzir explorando as potencialidades naturais da região da Baixada, a partir da correta capacitação e com foco no desenvolvimento e na geração de renda”, explicou o coordenador do Fórum em Defesa da Baixada Maranhense, Flávio Braga.

Na expedição a Matinha, o prefeito Zé Martins foi acompanhado com o experiente Tonho Martins, que coordena a equipe de obras no município. Eles conheceram as iniciativas que garantiram o êxito da produção do pescado em Itans e uma visita aos tanques de produção para verificação da atividade produtiva. “Essas iniciativas nos inspiram a buscar soluções para que o nosso município de Bequimão seja mais produtivo e, com isso, nossa população consiga ser empreendedora e gerar renda para suas famílias”, apontou o prefeito.

Também participaram do evento os bequimãoenses João Martins, superintendente do Sebrae/MA, e Zé Inácio, deputado estadual.

Baixada

Com mais de 500 mil habitantes, a Baixada Maranhense é uma microrregião geográfica encravada às margens do Golfão Maranhense, formada por 21 municípios, que foi transformada em Área de Proteção Ambiental (APA) desde 1991. A economia da região é basicamente de subsistência e as principais atividades econômicas são extrativismo vegetal do babaçu, pesca artesanal e a pequena agricultura familiar.

 

Prefeitura de Bequimão distribui 8 toneladas de peixes na Semana Santa

DSC_3969

Prefeito Zé Martins participou da entrega dos peixes

Centenas de famílias bequimãoenses não precisaram se preocupar com o alto preço do pescado na Semana Santa. A Prefeitura Municipal de Bequimão distribuiu, nesta quinta-feira (02), oito toneladas de peixes (sardinha e curimatá), proporcionando ceia farta para a população do município nesta Sexta-Feira Santa.

É o segundo ano que a administração do prefeito Zé Martins realiza o projeto “Peixe para Todos”. No ano passado, foram distribuídas seis toneladas. “É uma tradição comer peixe na Semana Santa, mas as pessoas mais carentes têm dificuldades de comprar nesse período, porque o pescado fica mais caro. Foi por isso que desta vez aumentamos a quantidade de peixes e no próximo ano terá ainda mais”, garantiu o prefeito.

A movimentação começou cedo. Às 6h, iniciou a entrega de senhas na Prefeitura. Logo depois, formou-se uma grande fila na calçada do Mercado Municipal do Peixe. Ainda assim, cada pessoa pôde levar para casa cerca de 2kg de peixe.

O projeto foi aprovado e elogiado por quem saio do mercado de sacola cheia. “Estou muito feliz pelo prefeito Zé Martins faz isso para ajudar a população carente de Bequimão. Ele está de parabéns e eu estou muito satisfeita, porque o peixe é de qualidade”, disse a moradora do bairro da Estiva, Marinilde Almeida.

O prefeito Zé Martins participou da distribuição dos peixes, acompanhado por vários secretários municipais e funcionários da Prefeitura, que colaboraram para o sucesso da ação. “O sorriso de satisfação das pessoas beneficiadas com esses peixes é o melhor presente que poderíamos ganhar numa Semana Santa”, disse a secretária de Cultura e Promoção da Igualdade Racial, Dinha Pinheiro.

Com o projeto “Peixe para Todos”, a atividade pesqueira de Bequimão também sai valorizada. “Ajudamos a população mais carente do município e ainda movimentamos a economia, gerando renda aos pescadores”, destacou o secretário de Articulação Institucional, Sidney Bouéres.

Estiveram no mercado os secretários de Pesca, Nhô da Colônia; Educação, Aristides Amorim; Indústria e Comércio, Ademar Costa; e de Esportes, Kell Pereira, além dos vereadores Valmir e Doutor, o jornalista Paulinho Castro e o ex-prefeito Juca Martins.

 

Fotos: Rodrigo Martins

 

 

 

Barba Branca é principal atração do Aleluia Reggae Roots, que acontece no sábado (04)

11092922_1087122501315618_757385135_o

No próximo sábado (04), acontece a terceira edição do Aleluia Reggae Roots de Bequimão, promovido pelo Programa Reggae Raiz, da Rádio Bequimão FM. Neste ano, a principal atração será a banda Barba Branca, que promete uma apresentação com clássicos do ritmo jamaicano, no palco da Garagem Show.

Também embalam a festa as equipes locais Projeto Reggae Raiz, Conexão Reggae Show e Resistência Reggae, além da Equipe de Vinil Power Discos, com os Djs Maxwell, Saulo e Café. “O nosso movimento regueiro vai coroar as festividades da Semana Santa, sempre respeitando os artistas e o público presente”, garantiu o DJ e organizador Rodiney Luciano.

Entre os parceiros do Aleluia Reggae Roots estão o DJ Renan Lemos, do Reggae Raiz; Maga e Alemão, do Grupo de Colecionadores Resistência Reggae; e Alan Carlos Soares, da Loja Rasta Reggae.

Edições anteriores

O Aleluia Reggae Roots sempre apresenta grandes espetáculos musicais. Já tocaram no evento a banda Capital Roots, a cantora Fabiana Rasta e os jamaicanos Rzee Jackson e Cedric Myton, que é uma lenda do reggae, com reconhecimento internacional.

O que? ALELUIA REGGAE ROOTS DE BEQUIMÃO

Quando? 04 DE ABRIL (SÁBADO DE ALELUIA)

Onde? GARAGEM SHOW – BEQUIMÃO-MA (PRÓXIMO A GUARDA MUNICIPAL)

Ingressos? R$ 10,00 (No Local)

Prefeitura de Bequimão libera pagamento do salário do mês de março

13-salarioA Prefeitura Municipal de Bequimão autorizou o pagamento dos servidores públicos municipais, referente ao mês de março/2015. Os vencimentos dos funcionários estarão disponíveis para saque nesta quarta-feira (1º). Com isso, a administração do prefeito Zé Martins mantém firme o compromisso de pagar os salários em dia.

Prefeitura de Bequimão distribuirá peixes na Quinta-Feira Santa, dia 02

DSC_0037

Distribuição de peixes no ano passado

Pelo segundo ano, a Prefeitura Municipal de Bequimão vai distribuir peixes na Semana Santa. Desta vez, o prefeito Zé Martins adquiriu 8 mil quilos de pescado, que serão entregues gratuitamente, na Quinta-Feira Santa, dia 02 de abril, à população bequimãoense.

As senhas serão distribuídas a partir das 6h, em frente à Prefeitura. Depois, quem recebeu a senha pode se dirigir ao Mercado do Peixe e receber seus quilos de pescado, garantindo o principal prato da Semana Santa, segundo a tradição cristã.

A ação da Prefeitura também gera renda aos pescadores da região e valoriza a atividade pesqueira, uma das grandes vocações produtivas de Bequimão.

Tradição

Comer peixe na Semana Santa faz parte da tradição e da vocação Cristã. O costume de comer peixe é ligado a uma forma de praticar o jejum e a abstinência, uma prática, ao lado da caridade e esmola, indicada pela Igreja como prática de devoção típica do tempo de Quaresma.

 

Prefeito Zé Martins participa de fórum que busca desenvolvimento da Baixada

image

O Prefeito Zé Martins participou da II reunião do Fórum em Defesa da Baixada Maranhense, realizada no último sábado (14), no auditório da TV Assembleia em São Luís (MA). Na pauta da reunião estavam o desenvolvimento humano e a qualidade de vida da população dos municípios da região, dentre eles Bequimão. O superintendente do Sebrae/MA, João Martins, também participou do evento.

Zé Martins ratificou os objetivos do Fórum no estabelecimento de um canal de interlocução com as diversas esferas do Poder Público, para discussão e reivindicação das necessidades históricas de quem vive na Baixada. “Vamos unir forças para que nossas demandas sejam respeitadas e realizadas”, frisou o prefeito.

Baixada Maranhense

Microrregião de 20 mil quilômetros quadrados, composta por 21 municípios e habitada por mais de 500.000 habitantes. Na estação chuvosa, a Baixada se transforma em uma imensa planície alagada, que forma o majestoso “Pantanal Maranhense”, com toda a sua diversidade de fauna e de flora que ornamentam os seus campos naturais. É um santuário ecológico de rara beleza onde a paisagem muda de acordo com a época do ano. É uma região vocacionada ao ecoturismo sustentável.

Fórum 

A finalidade de articular a criação do Fórum em Defesa da Baixada Maranhense, como entidade da sociedade civil organizada, é discutir necessidades pertinentes à microrregião, como a construção de barragens, projeto diques da Baixada e a construção da ponte Bequimão-Central do Maranhão.

O coordenador do Fórum, Fábio Braga, considera que a região continua excluída de programas que gerem desenvolvimento. “Nós temos uma região de riqueza natural ímpar, mas continuamos isolados de programas que possam potencializar esta riqueza e transforma-la em renda para os baixadeiros”, afirmou. Na concepção do Fórum, obstáculos como o da infraestrutura devem ser superados com comprometimento dos gestores com a microrregião.

Investimentos e Projetos

Como resposta às demandas do Fórum, durante a reunião, foi confirmada autorização pelo governador para a construção de cinco barragens na região, entre elas a barragem de Maria Rita, beneficiando as cidades de Bequimão, Peri-Mirim, Palmeirândia e São Bento, além da assinatura da ordem de serviço para elaboração do projeto da Ponte Central -Bequimão. A construção da ponte facilitará o acesso da capital aos municípios da região. A obra tem 600 metros de extensão e reduzirá em 32 km a distância para chegar a MA-106, que dá acesso ao Cujupe.

 

Com informações da Sematur/Bequimão

 

Prefeito Zé Martins solicita reinício das obras da Ponte do Balandro

zé martins e secretária

Prefeito Zé Martins com a secretária Estadual das Cidades, Flávia Alexandrina

Em audiência com a secretária estadual das Cidades, Flávia Alexandrina, o prefeito Zé Martins solicitou o reinício das obras na Ponte do Balandro, interrompidas desde o final do ano passado. A obra é financiada pelo Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES)

Na reunião, o prefeito explicou que o trabalho foi paralisado em razão da falta de repasse das verbas à empresa que ganhou a licitação. A secretária comprometeu-se a encaminhar uma equipe técnica a Bequimão para avaliar a situação.

“A Ponte do Balandro é um dos nossos principais compromissos com a população bequimãoense e vamos fazer o possível para entregá-la. Milhares de pessoas dependem dessa obra para se deslocar com segurança e dignidade”, afirmou o prefeito Zé Martins.

A ponte sobre o Rio Itapetininga beneficiará milhares de bequimãoenses, em especial os moradores do Centro e dos povoados de Balandro, Santa Vitória, Barroso, Floresta, Santana, Centrinho do Santana, Juraraitá, Beirada, Cai-Cai, Iribui, Itaputiua, Calhau, Ponta do Soares e Suassuí.

O valor total da obra é de R$ 2.369.531,81, para construção de uma ponte em concreto armado, medindo 62 metros de comprimento e 12 metros de largura.

A nova Ponte do Balandro começou a ser construída no governo Roseana Sarney, que autorizou a realização da obra, por meio da Secretaria de Estado das Cidades e Desenvolvimento Urbano (SECID).

Show de Mara Pavanelly agita Carnaval de Bequimão

DSC_2859Estávamos devendo as fotos do showzaço da cantora Mara Pavanelly, que agitou a segunda-feira de carnaval em Bequimão. Ela arrastou uma multidão para a Praça 02 de Novembro, que ficou lotada para conferir a apresentação da ex-vocalista da banda Furacão do Forró. O prefeito Zé Martins brindou os foliões de Bequimão com uma atração de peso, não deixando a desejar a nenhum outro município da região.

O show de Mara Pavanelly atraiu moradores de municípios vizinhos, movimentando a carnaval e a economia local. Veja agora, pelas lentes do fotógrafo Rodrigo Martins, como foi o show que entrou para a história da folia momesca em Bequimão.