Prefeitura de Bequimão libera pagamento do salário do mês de março

13-salarioA Prefeitura Municipal de Bequimão autorizou o pagamento dos servidores públicos municipais, referente ao mês de março/2015. Os vencimentos dos funcionários estarão disponíveis para saque nesta quarta-feira (1º). Com isso, a administração do prefeito Zé Martins mantém firme o compromisso de pagar os salários em dia.

Anúncios

Prefeitura de Bequimão distribuirá peixes na Quinta-Feira Santa, dia 02

DSC_0037

Distribuição de peixes no ano passado

Pelo segundo ano, a Prefeitura Municipal de Bequimão vai distribuir peixes na Semana Santa. Desta vez, o prefeito Zé Martins adquiriu 8 mil quilos de pescado, que serão entregues gratuitamente, na Quinta-Feira Santa, dia 02 de abril, à população bequimãoense.

As senhas serão distribuídas a partir das 6h, em frente à Prefeitura. Depois, quem recebeu a senha pode se dirigir ao Mercado do Peixe e receber seus quilos de pescado, garantindo o principal prato da Semana Santa, segundo a tradição cristã.

A ação da Prefeitura também gera renda aos pescadores da região e valoriza a atividade pesqueira, uma das grandes vocações produtivas de Bequimão.

Tradição

Comer peixe na Semana Santa faz parte da tradição e da vocação Cristã. O costume de comer peixe é ligado a uma forma de praticar o jejum e a abstinência, uma prática, ao lado da caridade e esmola, indicada pela Igreja como prática de devoção típica do tempo de Quaresma.

 

Prefeito Zé Martins participa de fórum que busca desenvolvimento da Baixada

image

O Prefeito Zé Martins participou da II reunião do Fórum em Defesa da Baixada Maranhense, realizada no último sábado (14), no auditório da TV Assembleia em São Luís (MA). Na pauta da reunião estavam o desenvolvimento humano e a qualidade de vida da população dos municípios da região, dentre eles Bequimão. O superintendente do Sebrae/MA, João Martins, também participou do evento.

Zé Martins ratificou os objetivos do Fórum no estabelecimento de um canal de interlocução com as diversas esferas do Poder Público, para discussão e reivindicação das necessidades históricas de quem vive na Baixada. “Vamos unir forças para que nossas demandas sejam respeitadas e realizadas”, frisou o prefeito.

Baixada Maranhense

Microrregião de 20 mil quilômetros quadrados, composta por 21 municípios e habitada por mais de 500.000 habitantes. Na estação chuvosa, a Baixada se transforma em uma imensa planície alagada, que forma o majestoso “Pantanal Maranhense”, com toda a sua diversidade de fauna e de flora que ornamentam os seus campos naturais. É um santuário ecológico de rara beleza onde a paisagem muda de acordo com a época do ano. É uma região vocacionada ao ecoturismo sustentável.

Fórum 

A finalidade de articular a criação do Fórum em Defesa da Baixada Maranhense, como entidade da sociedade civil organizada, é discutir necessidades pertinentes à microrregião, como a construção de barragens, projeto diques da Baixada e a construção da ponte Bequimão-Central do Maranhão.

O coordenador do Fórum, Fábio Braga, considera que a região continua excluída de programas que gerem desenvolvimento. “Nós temos uma região de riqueza natural ímpar, mas continuamos isolados de programas que possam potencializar esta riqueza e transforma-la em renda para os baixadeiros”, afirmou. Na concepção do Fórum, obstáculos como o da infraestrutura devem ser superados com comprometimento dos gestores com a microrregião.

Investimentos e Projetos

Como resposta às demandas do Fórum, durante a reunião, foi confirmada autorização pelo governador para a construção de cinco barragens na região, entre elas a barragem de Maria Rita, beneficiando as cidades de Bequimão, Peri-Mirim, Palmeirândia e São Bento, além da assinatura da ordem de serviço para elaboração do projeto da Ponte Central -Bequimão. A construção da ponte facilitará o acesso da capital aos municípios da região. A obra tem 600 metros de extensão e reduzirá em 32 km a distância para chegar a MA-106, que dá acesso ao Cujupe.

 

Com informações da Sematur/Bequimão

 

Prefeito Zé Martins solicita reinício das obras da Ponte do Balandro

zé martins e secretária

Prefeito Zé Martins com a secretária Estadual das Cidades, Flávia Alexandrina

Em audiência com a secretária estadual das Cidades, Flávia Alexandrina, o prefeito Zé Martins solicitou o reinício das obras na Ponte do Balandro, interrompidas desde o final do ano passado. A obra é financiada pelo Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES)

Na reunião, o prefeito explicou que o trabalho foi paralisado em razão da falta de repasse das verbas à empresa que ganhou a licitação. A secretária comprometeu-se a encaminhar uma equipe técnica a Bequimão para avaliar a situação.

“A Ponte do Balandro é um dos nossos principais compromissos com a população bequimãoense e vamos fazer o possível para entregá-la. Milhares de pessoas dependem dessa obra para se deslocar com segurança e dignidade”, afirmou o prefeito Zé Martins.

A ponte sobre o Rio Itapetininga beneficiará milhares de bequimãoenses, em especial os moradores do Centro e dos povoados de Balandro, Santa Vitória, Barroso, Floresta, Santana, Centrinho do Santana, Juraraitá, Beirada, Cai-Cai, Iribui, Itaputiua, Calhau, Ponta do Soares e Suassuí.

O valor total da obra é de R$ 2.369.531,81, para construção de uma ponte em concreto armado, medindo 62 metros de comprimento e 12 metros de largura.

A nova Ponte do Balandro começou a ser construída no governo Roseana Sarney, que autorizou a realização da obra, por meio da Secretaria de Estado das Cidades e Desenvolvimento Urbano (SECID).