Evento de colecionadores de reggae movimenta comércio e serviços voltados para fãs do ritmo jamaicano

Sebrae organizou grupo de cerca de 20 empreendedores de alimentos e bebidas, e artesanato voltado para a temática do reggae, que comercializaram seus produtos durante evento no fim de semana

 

São Luís – O Sebrae no Maranhão levou um grupo de cerca de 20 empreendedores atendidos por seus projetos para participar do IX Encontro do Grupo de Colecionadores Resistência Reggae, que aconteceu na noite deste sábado (10) no Multicenter Sebrae.

Na ocasião, o grupo de microempresários apresentou e comercializou seus produtos de artesanato, alimentos e bebidas para os quase 3 mil regueiros que foram ao evento. Os empreendedores são atendidos pelo Sebrae por meio dos projetos de atendimento coletivo de Alimentos e Bebidas de São Luís, Sebrae sobre Rodas (que atende Foodtrucks) e de economia criativa, como trancistas de cabelos afro e artesãos.

Para o diretor superintendente do Sebrae, João Martins, o IX Encontro do Grupo de Colecionadores Resistência Reggae foi mais uma oportunidade de mostrar o que os micro e pequenos negócios tem a oferecer.

“Este é um evento cultural que gera oportunidades de negócios para os micro e pequenos empreendedores e qualquer evento que possa oferecer oportunidades concretas tem o nosso apoio”, disse Martins.

Para o comerciante Tiago Borges, que tem um food truck que comercializa cervejas artesanais nacionais, a grande vantagem de participar do evento é poder ter acessoa um nicho de mercado que não vai aos locais tradicionais onde os food trucks operam.

“O nosso maior ganho será de visibilidade, porque iniciativas como essa do Sebrae nos aproxima de um público que às vezes não circula tanto nas praças de food trucks e podemos mostrar que São Luís já tem comida de rua com boa qualidade e preço acessível”, comentou.

Já a artesã Socorro Silva, do Anjo da Guarda, que levou produtos de acessórios e vestuário ligados à temática do reggae, comentou que a ação foi assertiva. “A iniciativa do Sebrae de juntar o nosso trabalho com este evento foi muito boa por ser uma festa ligada diretamente ao público que nos propusemos atender. Tenho certeza que vai abrir mercado porque muita gente está saindo daqui interessada no que produzo”, disse.

Anúncios
por A Tribuna de Bequimão

Abertura do Campeonato de Futebol Máster será dia 24 de março no Estádio Vivaldão

Foto de um time participante do Campeonato Bequimãoense de Futebol Máster 2016

A nova temporada do futebol bequimãoense vai ser aberta no próximo dia 24 de março (sábado) no Estádio Vivaldão. A secretaria municipal de Esporte e Juventude, com o apoio da Prefeitura de Bequimão, vai realizar o Campeonato Bequimãoense de Futebol máster 2018. Este ano terá 9 clubes e será disputado no sistema de mata-mata desde a primeira fase até a final. Para fazer a abertura oficial o jogo será entre Areal x Mojó às 16h no Estádio Vivaldão.

Com premiação de R$ 5.000,00 (cinco mil reais), sendo R$ 3.000,00 para o campeão, R$ 1.500,00 para o vice-campeão e R$ 500,00 para o terceiro colocado, o Campeonato Bequimãoense de Futebol Máster 2018 vai contar com a participação de Areal, Atlético, Bacurizeiro, Barroso (Rio Verde), Floresta (Barcelona), Jacioca, Marinho, Mojó e Paricatiua. Será um campeonato com os principais jogadores veteranos do município de Bequimão. É a oportunidade da juventude conhecer os craques do passado que fizeram sucesso.

No último Campeonato de Máster realizado pela secretaria municipal de Esporte e Juventude, o estádio Vivaldão recebeu a grande final entre Palmeiras X Jeniparana. Na briga pelo título o Verdao levou a melhor e levantou a Taça. Este ano, nenhum dos finalistas vai participar do certame, o que abre oportunidade para todos os participantes, tendo a chance de ser campeão pela primeira vez.

 

Piscicultores de Bequimão visitam projeto inovador da criação de peixes em cativeiro no município de Bom Lugar e Fábrica de Ração na cidade de Bacabal

A Unidade Regional do Sebrae em Bacabal, recebeu na manhã desta sexta-feira (16), uma caravana de 15 piscicultores da cidade de Bequimão, que vieram conhecer um projeto inovador na criação de peixes em cativeiro, realizado no município de Bom Lugar. O método utilizado é a criação de peixes em tanques de lona (tanques suspensos), com adição de oxigênio e alta renovação da água. A missão técnica dos Piscicultores foi uma articulação do Sebrae/Ma, através da Unidade Regional de Pinheiro em parceria com a prefeitura municipal de Bequimão, por meio da Sala do Empreendedor.

A idealização do proprietário Herci Júnior, envolve boa parte dos requisitos apontados pelo SebraeTec, por meio do qual, o empreendedor está sendo atendido pelo Sebrae, dando continuidade ao desenvolvimento de seu projeto. A ideia do produtor é ter uma grande produtividade e aposta na inovação dos tanques de lona.

Com novo método, utilizando a planta Lemna Minor, que no meio ambiente tem a função de purificador de água, a água seja reutilizada e ainda servirá como alimento para os peixes, oferecendo cerca de 40 por cento de nutrientes. O sistema de bioflocos tem surgido como alternativa para aumentar a produtividade, reduzindo custos com captação e renovação de água, bem como eliminação constante de afluentes para os ambientes adjacentes.

EM BACABAL-MA

Já na tarde de quinta-feira (16), a caravana de Bequimão, visitou à Fábrica Aginutre, que fabrica ração animal para peixes, suínos, aves, equinos e recentemente a fábrica lançará no mercado mais duas linhas de produtos, estas para cães e gatos. A moderna fábrica de ração animal fica localizada no município de Bacabal.

Muitos dos piscicultores da caravana já consomem os produtos da Aginutre, e hoje puderam conhecer de perto o potencial da empresa na fabricação de ração, logística, a qualidade dos produtos, utilizando o que existe de mais moderno em máquinas e equipamentos para o setor.

Os piscicultores saíram satisfeitos com a visita à fábrica. “Foi uma grande oportunidade e bastante produtivo este dia de hoje poder conhecer dois grandes empreendimentos e poder ouvir dos empresários dicas importantes para o desenvolvimento da atividade de piscicultura em nossa região”, destacou Antônio Pereira, piscicultor de Bequimão.

Atualmente, a fábrica atende consumidores dos municípios de Bacabal, Lago da Pedra, Pedreiras, Presidente Dutra, São Mateus, Codó, Caxias e muitos outros. A indústria, instalada numa área de 45 mil metros quadrados, às margens da BR 316, tem dimensões de 8,5 mil metros quadrados, com capacidade para produzir 2,6 mil toneladas ao mês.

“É um prazer receber nossos clientes e passar pra eles o zelo com que está sendo feito o processo de fabricação, a tecnologia que é aplicada com o mesmo padrão que antes nós importávamos e com isso a empresa está em um processo de crescimento. Agradecemos aos nossos clientes e ao Sebrae que sempre esteve conosco desde o início, esperamos continuar com esta parceria construindo cada passo que virá”, ressaltou o empresário Elício Mota, proprietário da Fábrica Aginutre.

Prefeito Zé Martins participa do VI Encontro do Programa Líder na cidade de Central do Maranhão

Referência em gestão pública no Maranhão, e principalmente na baixada maranhense, o prefeito de Bequimão, Zé Martins participou nesta quinta (15) e sexta-feira (16) do VI Encontro do Programa Líder realizado pelo Sebrae Maranhão na cidade de Central do Maranhão, no Litoral Ocidental Maranhense. Líderes dos 11 municípios que integram a região estiveram reunidos. Durante o encontro foi debatido o tema sobre Estratégias de Desenvolvimento que visam desenvolver a região em todos os seguimentos.

Durante o encontro, aconteceu uma palestra do ex-prefeito de Cabaceiras (PB), Arnaldo Júnior. O ex-prefeito foi ganhador do Prêmio Nacional Sebrae Prefeito Empreendedor da Região Nordeste 2003 e do Prêmio Gestão e Cidadania da FGV/BNDES-2004, como uma das cinco melhores experiências de Gestão Inovadora do Pais. Hoje, Arnaldo atua como consultor do Sebrae na área de gestão de Politicas Públicas e Desenvolvimento Local e Regional.

O prefeito estava acompanhado de assessores da prefeitura de Bequimão, como o Secretário Municipal de Saúde, Sidney Bouéres e o Secretário Municipal de Indústria e Comércio, Ademar Costa, além do coordenador da Sala do Empreendedor, Rodrigo Martins. Este é o sexto de oito encontros previstos no estado do Maranhão, dentro da metodologia do Líder.

Além do prefeito Zé Martins e dos líderes dos 11 municípios do litoral ocidental maranhense, participam do encontro o diretor superintendente do Sebrae no Maranhão, João Martins e os prefeitos Anderson Wilker (Alcântara), Ismael Monteiro (Central), Jadilson Coelho (Mirinzal) e Professora Rosinha (Cururupu).

Fotos: Rodrigo Martins

Maranhão se destaca em ações da Rede Nacional da Empresa Íntegra

O estado recebeu méritos do Sebrae Nacional e CGU, parceiros do programa no País, pelas ações desenvolvidas em 2017 e número de empresários sensibilizados.

 

O Sebrae Nacional e a Controladoria Geral da União estão vindo na contramão do que é vivenciado no País quanto à questão da corrupção, ajudando os pequenos negócios a adotarem medidas de integridade no segmento empresarial. Os dois parceiros comemoram os resultados do Programa Empresa Íntegra, que objetiva divulgar a Lei Anticorrupção (nº 12.846/2013) para as micro e pequenas empresas e que no segundo semestre de 2017, sensibilizou 3.339 empresários brasileiros, dentre os quais 1.200 foram maranhenses.

Com 36% do total dos resultados, o Maranhão ficou em primeiro lugar entre os 12 estados integrantes da Rede Nacional da Empresa Íntegra (REI). “Estamos muito satisfeitos com os números, porque refletem diretamente um esforço conjunto do Sebrae e CGU-MA para divulgar o programa entre os pequenos negócios maranhenses. Contamos muito com a capilaridade do Sebrae, trabalhando com maior proximidade com as pequenas empresas ligadas aos projetos, programas e ações que executamos no estado, bem como por meio de eventos próprios e de parceiros institucionais”, informa o diretor superintendente do Sebrae estadual, João Martins.

Entre as regiões, o Nordeste foi que mais sensibilizou empresários em 2017 para o programa que promove a ética e a integridade nas empresas, num total de 2.000 empreendedores – o Maranhão, que impactou 1.200 empresários com seis grandes ações ficou em primeiro lugar, seguido pela Paraíba (750), Distrito Federal (437) e o Pará (450).

Sebrae e CGU reafirmaram o compromisso de manter a forte parceria em 2018 no Maranhão, após recente videoconferência que reuniu os gestores nacionais do programa e toda a rede de disseminadores nas cinco regiões brasileiras.

“É essencial que os empreendedores maranhenses atuem em um negócio íntegro em todas as suas vertentes: de suas relações comerciais ao cumprimento das leis e normas, perpassando valores de ética, confiabilidade, segurança e, acima de tudo, respeito aos clientes, parceiros, colaboradores e fornecedores”, destaca o diretor superintendente do Sebrae no Maranhão, informando que o programa é disseminado no estado por meio da Unidade de Políticas Públicas em parceria com as unidades regionais da instituição.

A superintendente regional da CGU-MA, Leylane Maria da Silva, reitera a declaração do diretor executivo do Sebrae, ao comentar que a corrupção não é apenas uma questão governamental, mas acontece em toda a sociedade, incluindo nas micro e pequenas empresas.

“Os pequenos negócios respondem por mais de 95% das empreendimentos brasileiros e estes transacionam o tempo todo com o governo, seja prestando serviços, seja fornecendo produtos, equipamentos, suprimentos e outros. Se a sociedade não entender que as empresas precisam ser íntegras e se relacionarem de forma íntegra entre si, com o mercado e o governo, as medidas anticorrupção não serão totalmente eficientes. Por isso, o Programa Empresa Íntegra é de suma importância para sensibilizar e conscientizar o empresário a querer adotar a integridade empresarial, com medidas éticas e seguras em suas relações comerciais. O programa é, na verdade, uma medida preventiva contra a corrupção”, explica Leylane Maria da Silva.

O programa

Criado pelo Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU) e pelo Sebrae Nacional, o Programa Empresa Íntegra promove a ética e a integridade em empresas de todo o Brasil, numa união de esforços para fomentar a temática entre os pequenos negócios.  Além da publicação de materiais como as cartilhas Integridade para Pequenos Negócios e Proteja sua Empresa Contra a Corrupção, foi elaborado o infográfico Empresa Íntegra, um guia sobre como proteger a empresa da corrupção e produzido um vídeo sobre integridade nos pequenos negócios – todos disponíveis no portal Programa Empresa Íntegra.

Em dezembro de 2014, foi assinado o Acordo de Cooperação entre a CGU e o Sebrae Nacional para a conjugação de esforços no sentido de promover a integridade das micro e pequenas empresas brasileiras. Ao longo dos dois primeiros anos, foram realizados diversos eventos de capacitação pelo país, workshops e palestras, para disseminar o tema aos empresários.

Para mais informações, procure o Sebrae mais próximo ou visite o site do programa.

Educadores de Bequimão participam da II etapa da Conferência Intermunicipal de Educação em Pinheiro

Começou nesta terça-feira (13) a II etapa das Conferências Intermunicipais de Educação, envolvendo municípios jurisdicionados às oito Unidades Regionais de Educação (UREs). O evento faz parte da preparação para a Conferência Maranhense de Educação (Comae) 2018, que traz como tema “A consolidação do Sistema Nacional de Educação (SNE) e o Plano Nacional de Educação (PNE): monitoramento, avaliação e proposição de políticas para a garantia do direito à educação de qualidade social, pública, gratuita e laica”.

As conferências intermunicipais são realizadas pelo Fórum Estadual de Educação, em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e as prefeituras, instituições públicas e sociais. Os eventos têm como foco a avaliação dos Planos de Educação (Nacional, Estadual e Municipais) e proposição de políticas educacionais para efetivação de suas metas e estratégias, e tem por finalidade cumprir as etapas preparatórias da 1ª Conferência Nacional Popular de Educação (Conape) e da 3ª Conferência Nacional de Educação (Conae), coordenadas, respectivamente, pelo Fórum Nacional Popular de Educação (FNPE) e pelo Fórum Nacional de Educação (FNE).

A primeira etapa das Conferências Intermunicipais, realizada entre os dias 1º e 7 deste mês, envolveu 11 Regionais de Educação, incluindo São Luís. Nesta segunda etapa, as conferências acontecem nas regionais de Pinheiro, Chapadinha, Itapecuru Mirim, Rosário, Caxias, Codó, Timon e Viana, e devem envolver mais de 3 mil pessoas entre representantes da educação básica, profissional ou tecnológica e superior das redes pública e particular, além de representantes da sociedade civil organizada.

Durante as conferências os segmentos participantes do evento indicaram propositivas de alterações ao Plano Estadual de Educação (PEE), a partir de discussões em plenárias temáticas, além de realizar a escolha e homologar os nomes dos delegados, que irão participar da Comae.

Na Unidade Regional de Pinheiro, que abrange 17 municípios, 350 pessoas representantes dos 17 municípios jurisdicionados à regional devem participar da conferência, que será realizada no auditório da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Campus Pinheiro.

Estamos muito otimistas em relação à realização da conferência nesta terça-feira. Houve uma grande mobilização na regional. Acreditamos num debate efetivo com importantes contribuições para a melhoria da educação nos municípios, no estado e no país”, disse José Ribamar Ribeiro Dias, gestor da URE de Pinheiro.

Esta é a última etapa das conferências intermunicipais, antes da Conferência Maranhense de Educação (Comae), que será realizada de 2 a 5 de abril, em São Luís.

 

TCE e Sebrae definem estratégias de aplicação do IEGM 2018

Em reunião de trabalho ocorrida na manhã desta terça-feira, 13/03, o presidente do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE/MA), Caldas Furtado, e o diretor-superintendente do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Maranhão (Sebrae/MA), João Batista Martins, definiram estratégias para o desenvolvimento das ações conjuntas que as duas entidades executarão na aferição do Índice de Efetividade da Gestão Pública Municipal 2018 (IEGM).

Participaram também da reunião a gerente da Unidade de Políticas Públicas do Sebrae, Cristiane Corrêa da Silva e os auditores de controle externo do TCE Fábio Alex de Melo e Giordano Mochel.

O IEGM é uma ferramenta utilizada pelos tribunais de contas de todo o país e tem como objetivo fazer um amplo diagnóstico da situação dos municípios brasileiros em múltiplas dimensões da gestão pública como Educação, Saúde, Planejamento, Gestão Fiscal, Meio Ambiente, Cidades Protegidas e Governança de Tecnologia da Informação.

As informações do IEGM formam um grande banco de dados que pode ser consultado pelos cidadãos e servir de base para o desenvolvimento de políticas públicas capazes de transformar positivamente o cenário dos municípios. O IEGM é item obrigatório do processo de prestação de contas dos gestores públicos e a ausência de envio dos dados a ele relativos ao TCE pode resultar na rejeição das mesmas.

Em razão da profundidade e precisão do diagnóstico realizado pelo IEGM, o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) incluirá os dados do indicador como um dos componentes do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH).

A principal mudança do IEGM 2018 foi a inclusão de uma nova dimensão que contempla informações relativas ao desenvolvimento local. O Maranhão será o primeiro estado a realizar esse trabalho, desenvolvido em parceria com o Sebrae, entidade responsável pela solicitação da inclusão desse indicador no IEGM. Nos próximos anos, a atividade-piloto realizada no Maranhão deve ser estendida aos demais estados.

No campo relativo ao desenvolvimento local devem ser incluídas todas as ações promovidas ou estimuladas pelos municípios para fomentar a evolução dos territórios a partir da identificação das potencialidades produtivas locais, por área e potencial de mercado; mecanismos de incentivo à qualificação e desenvolvimento de habilidades produtivas e gerenciais; estratégias de financiamento aos produtores locais, entre outras ações.

Os gestores maranhenses têm até do dia 25 de março para enviar todas as informações solicitadas pelo IEGM 2018 até TCE/MA. O preenchimento dos formulários foi aberto dia 02 de janeiro.

No dia 26 de abril, será realizado evento pelo Sebrae e TCE no qual serão apresentados os resultados preliminares do IEGM 2018. O resultado completo do diagnóstico está previsto para ser divulgado em evento a ser realizado no mês de junho.

por A Tribuna de Bequimão

Prefeitura retoma primeira etapa de urbanização do Cais do Porto, em Bequimão

A prefeitura de Bequimão retomou os serviços da 1ª etapa de urbanização do Cais do Porto, às margens do Rio Itapetininga, no Centro de Bequimão. O prefeito Zé Martins está cada vez mais perto de realizar mais um sonho da população bequimãoense. Um presente que vai ficar na história do município.

        Ilustração da obra de urbanização do Cais do Porto na cidade de Bequimão-MA

A empresa vencedora da licitação, foi a Sintese Soc. Ind. e Tec. de Serviços de Engenharia LTDA. No projeto, está prevista a construção de um calçadão, com canteiros para palmeiras, bancos e serviço de iluminação. A mureta antiga será substituída por parapeitos de madeira.

“Esta é uma das áreas mais importantes da nossa história e sempre foi um dos espaços de lazer preferidos das pessoas de Bequimão, mas fazia tempo que precisava de mais cuidados. Agora, vamos fazer o que chamei de primeira etapa de urbanização do Cais do Porto. Nosso projeto é ampliar esse trabalho”, garantiu o prefeito Zé Martins.

A obra será feita com recursos de uma emenda do então deputado federal Sarney Filho, agora ministro do Meio Ambiente.

por A Tribuna de Bequimão

Prefeitura de Bequimão realiza ações Psicossociais em comunidades quilombolas

O trabalho visando beneficiar as comunidades quilombolas em Bequimão é uma das metas do prefeito Zé Martins desde sua primeira gestão em 2013. Desta vez foram contempladas com as ações executadas pelas Secretarias Municipais de Assistência Social e Cultura e Promoção da Igualdade Racial durante os meses de Janeiro e Fevereiro, 04 comunidades remanescentes.

Com as temáticas “Desenvolvimento Psicossocial” – Limites na Primeira Infância e “O Uso de Drogas e a Violência Doméstica e Familiar em Comunidades Tradicionais”, as comunidades se uniram e fizeram-se presentes nas Associações de Moradores para prestigiar as ações e participar das discussões e confraternizações ao final dos eventos.

No dia 24 de Janeiro a ação foi realizada no Quilombo Ramal do Quindíua, onde o psicólogo do CREAS, Wanderson Farias, que é negro e militante das relações raciais, orientou as famílias sobre a importância da educação de princípios, valores e normas na primeira infância. Período que vai de 00 aos 06 anos de vida da criança.

No dia 31 de Janeiro foi a vez do Quilombo Santa Rita, receber a ação. Os moradores lotaram o Centro de Convivência da comunidade para discutirem as peculiaridades da primeira infância.

Já no dia 21 de Fevereiro, a ação aconteceu no Quilombo Pericumã. Desta vez com a temática das drogas e suas influências na violência domestica. As famílias presentes foram orientadas e aconselhadas sobre modelos de prevenção e enfrentamento.

O encerramento do ciclo de palestras da ação aconteceu no Quilombo Rio Grande, dia 28 de fevereiro. A comunidade compareceu e as discussões foram muito proveitosas acerca dos limites na primeira infância e sua influência na formação da personalidade das crianças.

Para o secretario de Assistência Social de Bequimão, Josmael Castro, desenvolver parcerias é uma das metas de sua gestão à frente da pasta. “Promover desenvolvimento psicossocial é o nosso objetivo. Em 2017 fizemos muito, e em 2018 não será diferente”, ressaltou.

A Secretária de Cultura e Promoção da Igualdade Racial, Dinha Pinheiro, acompanhada de sua Adjunta, Deca Alves, estive presente em todas as ações, e promoveu a articulação entre as comunidades junto às lideranças, o que possibilitou o êxito das ações.

“As ações foram uma extensão da 5ª Semana do Bebê Quilombola. Uma vez que o CREAS só esteve em 05 comunidades durante a Semana que ocorreu no mês de Novembro. E nosso objetivo era atender todas as 11 comunidades. Esse também é o objetivo do prefeito Zé Martins, que não tem medido esforços na execução de ações que levem desenvolvimento para as comunidades quilombolas de Bequimão”, finalizou.

O prefeito Zé Martins destacou o trabalho realizado em sua gestão com as comunidades quilombolas. “Temos um trabalho realizado em todas as comunidades quilombolas. Estamos ampliando ainda mais, e se Deus quiser vamos mudar a vida desse povo, que luta todos os dias para desenvolver nosso município. Criamos a Semana do Bebê Quilombola, que é lei e mudou a história dessas comunidades. Já não existe uma comunidade quilombola em Bequimão sem uma ação do município. Todas estão ligadas por estradas, e nenhum prefeito na história de Bequimão deu tanta atenção aos quilombos. Muitas ações ainda serão realizadas nas comunidades em nossa gestão”, disse o prefeito.

As comunidades que desejarem ações como estas podem solicitar diretamente no CREAS, que fica localizado na Rua Vitorino Freire, Centro da cidade de Bequimão, em frente ao Cartório. Atendimento de Segunda à sexta-feira, das 8h às 18h, ou procurar a Secretaria de Cultura e Promoção da Igualdade Racial, que funciona na Sede da Prefeitura de Bequimão.

 

Prefeito Zé Martins emite nota de pesar pelo falecimento de Ademar Paixão

O prefeito de Bequimão, Zé Martins, emitiu nota de pesar pelo falecimento do bequimãoense Ademar  Paixão, conhecido no município como Seu Ademar, de 78 anos. Ele faleceu na manhã desta segunda-feira (12), em São Luís.

Seu Ademar é pai do presidente da Câmara Municipal, vereador Amarildo Estrela Paixão, além de mais 8 filhos, sendo 7 mulheres e 2 homens. Na nota, o prefeito Zé Martins destaca o legado deixado por Ademar Paixão, em especial, na “formação de uma família íntegra, honesta e do bem”. Nascido em 1940 na comunidade Muricinzal, seu Ademar foi daqueles homens que não media esforços para ajudar o próximo. Era multifuncional, fez de tudo um pouco. Foi lavrador, pescador e comerciante. Uma grande liderança comunitária, sendo eleito presidente da Liga Esportiva Bequimãoense (LEB). Como desportista vestiu a camisa do Atlético, foi técnico e presidente do Muricinzal, além de comandar o Ferroviário de Bequimão.

O velório está acontecendo na residência da família, na Avenida Antônio Dino, no bairro Ferro de Engomar. O sepultamento será realizado nesta terça-feira às 9h da manhã.

Veja nota na íntegra 

Foi com imenso pesar que recebi a notícia do falecimento de Ademar Paixão, conhecido em Bequimão como Seu Ademar, de 78 anos, pai do presidente da Câmara Municipal, vereador Amarildo Paixão. Neste momento de dor, junto-me à família, em especial aos seus filhos, que são meus grandes amigos, pedindo a Deus que conforte seus corações. Seu Ademar deixa um grande legado, principalmente, na formação de uma família íntegra, honesta e do bem.