Prefeitura de Bequimão recupera estrada entre Deserto e Centrinho da Buritizeira

Foto: Divulgação

Muito antes do período chuvoso, a Prefeitura de Bequimão, através da Secretaria Municipal de Infraestrutura, elaborou um plano de recuperação das estradas vicinais para assegurar o livre acesso às comunidades mais afastadas da sede. Desde então, as máquinas seguem trabalhando.

Na via que liga Centrinho da Buritizeira a Deserto, já está tudo pronto. Além da terraplangem, o serviço na estrada incluiu a colocação de dois bueiros de concreto, no local onde antes havia apenas uma barragem. Os tubos de concreto vão garantir o escoamento da água e evitar alagamentos. Ainda será colocado um terceiro bueiro em outro trecho importante da estrada do Deserto, que tem cerca de 4Km. 

Na gestão do prefeito Zé Martins, mais de 300Km de estradas iguais a essa já foram recuperadas. No Instagram, a prefeitura de Bequimão reiterou que está atenta aos impactos da chuva e mantém de forma permanente o serviço de infraestrutura no município, independente da estação do ano.

por A Tribuna de Bequimão

Estudantes de Bequimão conquistam vagas na UFMA e IFMA pelo Enem/SiSU

Os estudantes bequimãoenses Jacilene Almeida Vieira e Luiz Fernando Ribeiro Júnior conseguiram boas pontuações no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), demonstrando na prática que a educação de Bequimão tem alcançado avanços significativos na gestão do prefeito Zé Martins.

Jacilene Almeida Vieira foi aprovada em primeiro lugar para o Curso Superior de Gestão de Turismo do Instituto Federal do Maranhão (IFMA) – Campus Alcântara.

Luiz Fernando conseguiu outro grande feito na prova do Enem 2019, atingindo 920 pontos na temida redação, que teve como tema “A Democratização do Acesso ao Cinema”. Ele ficou em 2º lugar no Curso de Química Industrial, da Universidade Federal do Maranhão (UFMA).

Luiz Fernando, mais conhecido como Júnior, cursou os anos finais do Ensino Fundamental na Escola Municipal Domingos Bouéres, localizada no bairro Estiva, e o Ensino Médio na Escola Aniceto Cantanhede. Aluno dedicado e amante da leitura, Júnior dedicou essa conquista à professora Jaquélia Caldas, sua grande incentivadora na escola.

Segundo ele, a leitura de jornais, revistas, tutoriais e cursinhos preparatórios contribuíram para o bom resultado no Enem/SiSU. “Não desistam de estudar, sejam persistentes, pois a educação é a chave para alcançar o sucesso”, incentivou o jovem bequimãoense.

Prefeitura de Bequimão convoca usuários do cartão SUS para atualização

Foto: Reprodução/ Internet

A Prefeitura Municipal de Bequimão, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), convoca os usuários do Cartão SUS (Sistema Único de Saúde) a atualizarem seus cadastros. O atendimento é realizado de segunda a sexta, das 8h às 17h, na Secretaria (Rua Presidente Vargas, Centro de Bequimão).

Com o cartão, os beneficiários podem receber atendimento nas Unidades de Saúde que integram a Rede SUS, no país. É garantido o acesso à marcação de consultas e exames; medicamentos gratuitos; e assistência integral à saúde, desde a atenção primária até a alta complexidade.

Os usuários que mudaram recentemente de endereço ou telefone precisam se dirigir à sede da Semus para atualização do cadastro, portando RG, CPF e certidão de nascimento ou casamento. Também precisam ser atualizados os cartões que não começarem com o número 7.

Quem ainda não tiver o cartão SUS também pode ir à sede da Semus, munido dos mesmos documentos, acrescidos apenas do comprovante de residência. A solicitação do cartão pode ser antecipada pelo Portal de Saúde do Cidadão. Será gerado um protocolo do pré-cadastro. No entanto, mesmo quem fizer esse procedimento pela internet, tem que validar o cartão na Semus.

O Ministério da Saúde (MS) regulamentou o Cartão SUS por meio da Portaria 940, de abril de 2011. A norma unificou a base de dados do sistema por meio de um registro único, que contém as informações dos pacientes da rede pública de saúde. A resolução possibilitou a criação de um histórico de atendimento para cada usuário, disponibilizando-o a qualquer unidade de saúde do Brasil incorporada ao SUS.

por A Tribuna de Bequimão

Adolescentes de Bequimão desenvolvem projeto de leitura para crianças

Adolescentes do Núcleo de Cidadania do Selo UNICEF-JUVA, criado e mantido pela Prefeitura de Bequimão, estão desenvolvendo o projeto Leia para uma Criança, do Itaú/Unicef.

A primeira ação de 2020 aconteceu no último dia 07 de janeiro, na escola Protázia Rodrigues Soares, no Barroso.

Cinco turmas de alunos das séries iniciais do Ensino Fundamental foram atendidas pelo projeto. O Itaú enviou os livros: “Leo e a Baleia” e “O Tupi que você fala”. Os adolescentes se caracterizaram, para criar um ambiente mais lúdico, e deram uma grande demonstração de cidadania fazendo as leituras e contando histórias.

A ação contou ainda com o apoio do Conselho Tutelar, do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e do Centro de Referência da Assistência Social (CREAS).

Os adolescentes que protagonizaram a ação foram: Mariana, Karine, Déborah, Fernanda, Maria Izabel, Brenda e Eduardo. A turma foi orientada pelo psicólogo e professor Wanderson Farias.

A leitura é parte fundamental no processo educacional, resultando na construção do indivíduo. Um dos grandes desafios dos professores da educação básica é ensinar a leitura para os alunos, mas ensinar não só a decifrar códigos, e sim a ter o hábito de ler. A leitura, além de favorecer o aprendizado de conteúdos específicos, aprimora a escrita.

Fotos: Reprodução

por A Tribuna de Bequimão

Em nota, prefeito Zé Martins informa sobre acordo com o Banco do Brasil

NOTA OFICIAL

Os servidores municipais de Bequimão foram surpreendidos com descontos em suas contas correntes feitas pelo Banco do Brasil, decorrentes de empréstimos consignados, o que, pelo volume de descontos, deixou os servidores sem recursos ou sendo compelidos a negociar com banco sobre a situação de cada um.

Informações falsas ou desencontradas tentam imputar responsabilidades por tais acontecimentos a administração municipal. Diante disso, e com a finalidade de repor a verdade vimos fazer os seguintes esclarecimentos:

1. O Município de Bequimão possuía um convênio com o Banco do Brasil que permitia a retirada de empréstimos com descontos na folha de pessoal;

2. Em virtude do sequestro de valores das contas públicas, determinado pela Justiça para o pagamento de precatórios oriundos de gestões anteriores, o município atrasou com os repasses o que levou o Banco do Brasil a cancelar o convênio;

3. Com o cancelamento do convênio do município deixou de fazer os descontos nos contracheques dos servidores e, consequentemente, de efetuar os repasses ao banco;

4. Apesar da iniciativa do cancelamento ter partido do banco, ainda assim o mesmo foi alertado para que fizesse os descontos diretamente nas contas dos servidores que possuíam empréstimos juntos à instituição;

5. O Banco do Brasil que incorreu em erro ao deixar de fazer as retenções nas contas dos servidores, sendo indevida, ao nosso sentir, o desconto de diversas parcelas de uma única vez ou a aplicação de juros, até porque, por inúmeras vezes os servidores foram a instituição tentar negociar os seus empréstimos sendo ignorados pela instituição.;

6. Por fim, nos colocamos à disposição de todos os servidores no sentido de colaborar na solução do impasse.

Bequimão, 16 de janeiro de 2020.

Antonio José Martins

Prefeito de Bequimão.

por A Tribuna de Bequimão

Escola de Música Emerson Macedo abre vagas para 2020

Foto: Divulgação / Prefeitura de Bequimão

Que a arte expande horizontes e transforma vidas ninguém tem dúvidas. Mas a formação artística, antes, parecia algo muito distante para crianças, jovens e idosos bequimãoenses. Essa realidade começou a ganhar novos contornos com a implantação da Escola de Música Emerson Macedo, projeto da Prefeitura Municipal de Bequimão, que anualmente forma novos músicos. Quem tem esse sonho pode se inscrever para as turmas de 2020 até a próxima sexta-feira, dia 24 de janeiro.

Estão abertas as inscrições para seis modalidades de cursos na área musical. São 40 vagas para violão, seis para teclado, quatro para guitarra, quatro para baixo, doze para bateria e seis para instrumentos de sopro.

Os interessados devem se inscrever na própria Escola de Música Emerson Macedo, no antigo Convento, em frente à Praça 2 de novembro. É indispensável a apresentação da cópia do RG; declaração escolar ou certificado de conclusão do Ensino Médio; foto 3×4; e comprovante de residência.

Atualmente, a escola conta com 145 alunos matriculados nas modalidades flauta doce (60), coral (30), banda (30) e cordas e teclas (25). As aulas acontecem duas vezes por semana e os cursos têm duração de dois anos.

Histórico

A então Escola de Música de Bequimão foi fundada em 2004 pelo ex-prefeito Juca Martins. Em 2018, já na gestão de Zé Martins, recebeu o nome de Emerson Macedo, em homenagem ao saxofonista e ex-aluno, que morreu vítima de atropelamento, em São Luís. Mas não foi apenas o nome da instituição que mudou. O prefeito de Bequimão retomou o trabalho que Juca Martins havia iniciado há 14 anos. Zé Martins teve um olhar especial para a escola e buscou parcerias para viabilizar a sua reestruturação. Uma emenda no valor de quase R$ 1 milhão, destinada pelo ex-deputado federal Sarney Filho às escolas de música do Maranhão, garantiu à instituição a aquisição de novos mobiliários, livros, partituras e instrumentos.

por A Tribuna de Bequimão

Com ‘Saúde nas Escolas’, prefeito Zé Martins fortalece atenção primária

Foto: Divulgação

Já faz um tempo que ir à escola em Bequimão ganhou um novo sentido. O ambiente escolar mudou com a chegada de novos personagens: os profissionais da Estratégia da Saúde da Família (ESF). Além das aulas regulares de português, matemática e das demais disciplinas que compõem a grade curricular, os alunos e alunas da rede pública de ensino também passaram a contar com ações de promoção, prevenção e atenção à saúde do Programa Saúde na Escola (PSE).

Ao todo, nove equipes da ESF fazem esse trabalho em 11 unidades de ensino (dez municipais e uma estadual). Cerca de 1.346 estudantes bequimãoenses já foram beneficiados pelas ações de saúde na própria escola. A extensão dos serviços foi possível a partir da assinatura do termo de adesão ao programa para o biênio 2019/2020, feito pela Prefeitura de Bequimão, por meio das secretarias municipais de Saúde e Educação.

Pela sétima vez consecutiva, o prefeito Zé Martins imprime no município o modelo de gestão essencialmente focado na intersetorialidade (quando envolve diversos setores e órgãos da administração) entre as políticas públicas de saúde e educação. As ações do PSE têm o objetivo de garantir a formação plena de crianças e jovens matriculados na rede pública de ensino, com vistas ao enfrentamento das vulnerabilidades que possam comprometer o desenvolvimento deste público, que é o alvo do programa.

Ao longo de 2019, as equipes da saúde desenvolveram uma série de atividades nas escolas. Primeiro, foi verificada a situação vacinal dos estudantes. Aqueles que estavam com a caderneta de vacinas desatualizada foram encaminhados às Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) próximas de seus territórios.

Após a regularização das cadernetas de vacinação, os profissionais iniciaram a Campanha Nacional de Combate à Hanseníase, com o tema “Agravos negligenciados”. Nesta etapa, educandos foram autorizados pelos pais e/ou responsáveis a participarem de uma investigação para identificar possíveis manchas de hanseníase pelo corpo e, caso necessário, serem encaminhados para tratamento.

Seguindo o fluxo de atividades, o PSE desenvolveu, em parceria com o Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), avaliações antropométricas. Os alunos tiveram seus estados nutricionais analisados para, posteriormente, se necessário, receberem acompanhamento e tratamento oferecido pelas equipes da Atenção Básica.

Também foram realizadas atividades voltadas ao consumo de alimentos saudáveis, dando aos alunos a oportunidade de aprenderem um pouco mais sobre o tema, a partir de vídeos educativos, palestras e participação em oficinas. Ainda foram ofertadas práticas corporais, como atividade física e de lazer nas escolas (dança das cadeiras, pula corda, bambolês, corrida do saco, futebol e dinâmicas de recreação).

Mais saúde na escola em 2020

O trabalho continua em 2020 e a expectativa para o ano que se inicia é das melhores, inclusive com ações já em curso, segundo o secretário municipal de Saúde, Sidney Bouéres. O tema central da primeira campanha do PSE é o combate ao mosquito Aedes Aegypti. Os riscos oferecidos pela proliferação do mosquito serão amplamente discutidos com a comunidade escolar do município.

A estação chuvosa, recém-chegada à cidade, é propícia à formação de potenciais criadouros do mosquito. O momento, portanto, requer atenção e é oportuno para viabilizar medidas preventivas capazes de evitar o surgimento de doenças como dengue, zika, chikungunya e febre amarela, afastando do município o cenário de risco eminente produzido pelas patologias.

“A nossa iniciativa visa a conscientizar a comunidade escolar de Bequimão sobre as diversas formas de prevenção às doenças transmitidas pelo mosquito Aedes. Com a realização de palestras, exposição de vídeos e busca ativa de criadouros no ambiente escolar e fora dele, nós estamos promovendo a atenção à saúde primária, que, neste caso, chega também ao ambiente familiar por meio dos nossos estudantes”, explicou o secretário sobre a estratégia.

A promoção da saúde pela ótica da atenção primária é uma das marcas da gestão Zé Martins. O prefeito explica que os efeitos positivos de programas como o ‘Saúde nas Escolas’, no âmbito da atenção primária, são incontestáveis. A Organização Pan-Americana de Saúde (OPS) recomendou, no fim do ano passado, a destinação de pelo menos 30% do financiamento público à prevenção no setor da saúde.

“A recomendação é de mais investimentos no setor da atenção primária, como é a proposta do programa ‘Saúde nas Escolas’, só demonstra que Bequimão está no caminho certo. Programas com este objetivo são capazes de reduzir de 20% a 40% o número de internações hospitalares, segundo estimativas da própria organização”, defendeu Zé Martins.

O prefeito de Bequimão relembrou que a saúde do município vive um novo momento. “É com grande orgulho que posso afirmar que a nossa saúde está cada vez mais fortalecida. Tanto que fomos reconhecidos a nível de Estado pelo Núcleo de Defesa da Criança e do Adolescente da Defensoria Pública. A realização de consultas diárias, médicos de plantão nos hospitais, mutirões de cirurgias e vários outros serviços são uma realidade no nosso município. Ou seja, em Bequimão, vivemos uma situação muito diferente daquela calamidade que encontramos”, afirmou o prefeito.

por A Tribuna de Bequimão

Prefeito Zé Martins empossa Conselheiros Tutelares para o Quadriênio 2020-2023

O prefeito de Bequimão, Zé Martins, e a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Viviane Rodrigues, empossaram, na tarde desta sexta-feira (10), em solenidade realizada na Prefeitura de Bequimão, os cinco novos conselheiros tutelares de Bequimão e seus respectivos suplentes.

Tomaram posse os conselheiros Jailson Silva, Desivanilde Ferreira, Deuzinete Pacheco, Silvilene Garcia e Claudilene Pereira, que terão mandatos de 4 anos, válidos de janeiro de 2020 até dezembro de 2023.

Na solenidade, Zé Martins reafirmou seu total apoio às reformas estruturais da nova sede do Conselho Tutelar, que contará com brinquedoteca e biblioteca para os usuários e conselheiros.

Participaram do ato de posse os secretários Zé Orlando Ferreira (Administração e Transportes), Josmael Castro Júnior (Assistência Social), Rodrigo Martins (Cultura e Promoção da Igualdade Racial), Kell Pereira (Juventude, Esporte e Lazer), e o coordenador do Selo Unicef em Bequimão, Wanderson Farias.

 

 

Por Wanderson Farias

por A Tribuna de Bequimão

Aluna de Bequimão fica em primeiro lugar no seletivo do IFMA-Pinheiro

A estudante Thillyanny Lemos Souza, moradora da Comunidade Quilombola Conceição e aluna da Escola Integrada Paricatíua, foi classsificada em primeiro lugar no Processo Seletivo Público Unificado do IFMA – Campus Pinheiro, para o Curso Técnico em Informática. Ela e mais nove estudantes de Bequimão conquistaram vagas para o Instituto Federal ano letivo de 2020.

Esse resultado é mais um indicador dos avanços alcançados na educação pública bequimãoense, durante a gestão do prefeito Zé Martins.

Outros alunos bequimãoenses se destacaram no seletivo do IFMA. Para o Campus Pinheiro, foram classificados: Luna Fernanda Goes Pereira (2º lugar do Curso Técnico em Informática), Luanny Cristiny Gaspar Reis (2º lugar no Curso Técnico em Meio Ambiente), Lucas Rafael Pereira Silva- (Informática), Brenda Rafaela Pereira Boas (Meio Ambiente), Maria Eduarda Sales Santos (Meio Ambiente), Esdras Samuel Costa Lopes (Meio Ambiente), Sarah Camylly Costa Lopes (Meio Ambiente). Já Tayllaine Ferreira (2º lugar em Meio Ambiente) e Pedro Lucas Pereira Melo (Eletrônica) estão classificados para o Campus Alcântara.

Foto: Arquivo familiar

por A Tribuna de Bequimão