Caravana Maranhão Quilombola realiza ações em Bequimão-MA

Valorizar os remanescentes quilombolas é uma das metas do prefeito Zé Martins, desde o início de sua primeira gestão em janeiro de 2013. A primeira medida do prefeito para melhorar a vida dos quilombolas foi criar a Semana do Bebê Quilombola, através de um projeto de lei que oficializou e colocou Bequimão como o primeiro município do Brasil a realizar esse tipo de ação.

Uma parceria entre Prefeitura de Bequimão e Governo do Estado, realizou nesta terça-feira ações do Programa Maranhão Quilombola, por intermédio da Secretaria Municipal de Cultura e Promoção da Igualdade Racial, em parceria com a Secretaria de Estado da Igualdade Racial, com apoio das Secretarias Municipais de Saúde, Educação e Assistência Social. As ações aconteceram nas Comunidades de Ramal de Quindíua, Santa Rita e Mafra, além de outras. Os secretários municipais montaram suas equipes e realizaram um grande trabalho, dando todo apoio possível nas ações, da logística ao atendimento.

Durante as ações da Caravana Maranhão Quilombola, realizadas durante todo o dia nas comunidades quilombolas, foram disponibilizadas vários atendimentos aos moradores, como:
Foram realizados na comunidade, como:

Tratamento de saúde bocal, entrega de medicamentos, vacinação, exames preventivos, consultas médicas, distribuição de kits bucal entre outras.
> Oficinas: Chef Mirim e aproveitamento integral de alimentos.

> Atendimento médico: testes rápidos, aferição de pressão arterial,
> Busca ativa CAD e atualização do bolsa família
> Atividades recreativas e educativas para crianças
> Rodas de conversas sobre identidade étnico racial; Violência contra a mulher; DSTs; Educação e as relações Étnico racial e outras.
> Atendimento das ações de politicas para as mulheres no Ônibus Lilás.

Para o prefeito Zé Martins, esta ação aumenta os benefícios implantados em sua gestão para a população quilombola. “Desde que assumi a gestão do município de Bequimão tenho realizado muitas ações voltadas para a população dos quilombos. Das crianças aos idosos tem sido beneficiados em nossa administração. Nosso foco está voltado para todos os bequimãoenses, mas principalmente para nossos quilombos. Tenho um carinho especial por todos e sei o quanto me respeitam. Minha missão é melhorar a vida de cada um bequimãoense”, destacou o prefeito.

A ação contou com o apoio das Secretarias de Cultura e Promoção da Igualdade Racial, Assistência Social, Saúde e Educação, Programa Criança Feliz, Cras, Creas, Agricultura, que vem desempenhando um papel fundamental nas comunidades quilombolas de nosso município. Além da comunidade Ramal de Quindiua, foram atendidas também, as Comunidades de Santa Rita; Mafra; Conceição e Juraraitá.

 

Do Portal G7MA.COM

Anúncios

Bequimão discute critérios para adesão ao Polo Turístico Floresta dos Guarás

A secretária de Meio Ambiente e Turismo (Sematur), Keila Soares, juntamente com o adjunto Edmilson Pinheiro, acompanhados do agente de desenvolvimento Rodrigo Martins, representaram o município de Bequimão na reunião com os representantes dos municípios do Polo Turístico da Floresta dos Guarás. O evento discutiu a adesão do município de Bequimão ao Polo Turístico da Floresta dos Guarás e à Atualização do Mapa do Turismo Brasileiro.

O Mapa é um instrumento de orientação para a atuação do Ministério do Turismo no desenvolvimento das políticas públicas setoriais e locais, tendo como foco a gestão, a estruturação e a promoção do turismo. É por meio do Mapa de Turismo que o Ministério idealiza e executa projetos e ações em prol do desenvolvimento do turismo em todos os polos do país.

A Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Sectur) é o órgão delegado do Programa de Regionalização do Maranhão, e tem a missão de realizar a atualização do Mapa de Turismo Brasileiro de 2017.

Na oportunidade a equipe da Sematur definiu junto a Sectur, a entrega da documentação para adesão do município de Bequimão ao Polo Turístico da Floresta dos Guarás.

MAPA DO TURISMO BRASILEIRO

O Mapa do Turismo Brasileiro é o instrumento instituído pela Portaria MTur nº 313, de 3 de dezembro de 2013 atualizada  no âmbito do Programa de Regionalização do Turismo instituído pela (Portaria nº 105, de 16 de maio de 2013 atualizada) que orienta a atuação do Ministério do Turismo no desenvolvimento das políticas públicas. É o Mapa do Turismo Brasileiro que define a área – o recorte territorial – que deve ser trabalhada prioritariamente pelo ministério. Ele é atualizado periodicamente, e conta com versões de 2004, 2006, 2009 e 2013 e 2016. Essa última versão conta com 2.175 municípios, divididos em 291 regiões turísticas. Os municípios que compõem o Mapa do Turismo Brasileiro 2016 foram estabelecidos através dos critérios, instituído pela Portaria nº 205, de 09 de dezembro de 2015.

De acordo com o mapa do Turismo, o país tem 2.175 municípios em 291 regiões turísticas. O Instrumento destaca apenas municípios que adotam o turismo como um dos fatores para desenvolver a economia local. Os municípios brasileiros foram categorizados a partir de quatro variáveis de desempenho econômico: número de empregos, de estabelecimentos formais no setor de hospedagem, estimativas de fluxo de turistas domésticos e internacionais.

Os municípios turísticos foram agrupados em cinco categorias, de A a E. Hoje o Polo Turístico Floresta dos Guarás é composto pelos municípios de Apicum-Açu, Cedral, Cururupu, Guimarães, Mirinzal, Porto Rico do Maranhão e Serrano do Maranhão.

Bequimão, Bacuri e Central do Maranhão deverão fazer sua adesão agora em 2017 para compor o Polo.

 

POR SEMATUR/BEQUIMÃO

Fotos: Rodrigo Martins