Sebrae e Prefeitura realizam Carnaval de Oportunidades em Bequimão-MA

O projeto Carnaval de Oportunidades foi criado pelo Sebrae Maranhão e este ano será realizado na cidade de Bequimão e em mais três cidades das regiões da Baixada e do Litoral Ocidental Maranhense.

A cidade de Bequimão localizada na microrregião do Litoral Ocidental Maranhense, recebe milhares de foliões vindos de todo o estado. Para muitos a cidade tem um dos melhores carnavais da região. O turismo na cidade ganha força no período carnavalesco e outros atrativos, além dos naturais, encantam os visitantes.

Pensando nisso, o comércio local se organiza para receber os visitantes. Pousadas, bares, restaurantes e outras empresas que possuem seus produtos e serviços ligados direta ou indiretamente com a folia de momo, enxergam na data uma possibilidade de aumento exponencial no seu faturamento.

Com a chegada dessa época o Sebrae Maranhão, através da Unidade Regional de Pinheiro em parceria com a Prefeitura Municipal de Bequimão, por meio da Sala do Empreendedor realizam um trabalho mais focado nesse público, movimentando comerciantes, barraqueiros, vendedores ambulantes, empreendedores e potenciais empreendedores com realização de oficinas e capacitações.

As oficinas do primeiro carnaval de oportunidades em Bequimão são “Atendimento de excelência e oportunidades de negócios” e “Técnicas de maquiagem e penteados rápidos para o carnaval” que acontecerão nos dias 20 e 22 de fevereiro.

Não perca tempo e garanta logo sua a vaga. Informações e inscrições na Sala do Empreendedor de Bequimão.

Programação Carnaval de Oportunidades em Bequimão

Oficina de Gestão
Dia: 20/02/19
14h30 às 17h – Atendimento de Excelência e Oportunidades de Negócios
Público Alvo: Barraqueiros e vendedores ambulantes cadastrados na secretaria de Cultura
Local: Centro Administrativo da Prefeitura

Oficina de Beleza
Dia: 22/02/2019
08h às 12h – Técnicas de maquiagem para o carnaval
14h às 18h – Penteados rápidos para o carnaval
Público Alvo: Empreendedores do segmento de beleza e estética e potenciais empreendedores
Local: Centro de Referência de Assistência Social – CRAS

Anúncios

Criada a Instância de Governança do Pólo Turístico da Floresta dos Guarás

Foi criada nesta terça-feira (05), na cidade de Mirinzal, a comissão provisória da Instância de Governança Regional do Pólo Turístico da Floresta dos Guarás. Foram eleitos Marcos Dominici, Turismólogo e coordenador de Turismo do município de Guimarães, para presidente e Gilberto Fonseca, secretário de Meio Ambiente e Turismo do município de Cururupu, como vice-presidente.

O evento contou com a participação de secretários, coordenadores, agentes de desenvolvimento, representantes do Sebrae da Unidade Regional de Pinheiro e das instituições ligadas à atividade turística dos municípios de Bequimão, Cedral, Central do Maranhão, Cururupu, Guimarães, Mirinzal e Porto Rico do Maranhão, que discutiram a criação da Instância de Governança do Pólo Turístico da Floresta dos Guarás.

A partir de 2019 para integrar o Mapa do Turismo Brasileiro, só serão reconhecidas como regiões turísticas aquelas que contarem com Instância de Governança Regional, Conselhos Municipais de Turismo ativos e, pelo menos um, prestador de serviço inscrito no serviço de cadastro de pessoas físicas e jurídicas que prestam serviços no Turismo (Cadastur). A ideia é estimular a participação da sociedade na definição, implantação e acompanhamento das políticas públicas do turismo, por meio do Programa Nacional de Regionalização do Turismo (PRT), do Ministério do Turismo, que seguem o princípio da gestão descentralizada.

As Instâncias de Governança Regionais são constituídas por um conjunto de municípios de uma mesma região, com afinidades culturais, sociais e econômicas que se unem para organizar e desenvolver a atividade turística regional de forma sustentável, por meio da integração contínua dos municípios, consolidando uma atividade regional.

A próxima etapa é de sensibilização e mobilização dos interlocutores estaduais e gestores municipais para adequação das novas regras para atualização do Mapa do Turismo Brasileiro.

Fotos: Rodrigo Martins

Prefeito Zé Martins assina termo de adesão ao programa JEPP

No final da tarde desta terça-feira (15), o prefeito do município de Bequimão, Zé Martins, assinou o termo de adesão ao programa Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP), que leva educação empreendedora aos estudantes do 1° ao 9° ano do Ensino Fundamental.

O projeto faz parte do Programa Nacional de Educação Empreendedora do Sebrae e pode ser desenvolvido em escolas públicas e privadas. O JEPP foi implantado no Sebrae do Maranhão desde 2015. No período, mais de 42 mil estudantes já participaram da iniciativa e mais de 1 mil professores de 107 instituições de ensino maranhenses foram capacitados nas metodologias do programa JEPP.

O município assume mais uma vez o compromisso de capacitar os profissionais da educação, e consequentemente, levar aulas de empreendedorismo aos jovens da rede municipal de ensino. “Precisamos despertar nos jovens o espírito empreendedor, dar a oportunidade que eles possam abrir seus pensamentos e ver o mundo de oportunidades que temos”, ressaltou o prefeito Zé Martins.

A cerimônia aconteceu nesta terça-feira (15) em São Luís, no auditório Armando Gaspar, na Sede do Sebrae Maranhão. Na ocasião, mais 15 prefeituras maranhenses manifestaram publicamente o interesse em aderir ou renovar a adesão ao programa JEPP, que capacita professores de ensino fundamental a incluírem o empreendedorismo no currículo escolar.

 

Agricultores das comunidades de Marajá, Areal e Santa Tereza receberam curso de melhoramento da produção de farinha

Na última sexta-feira (31), foi encerrado o Curso de Melhoramento da Produção de Farinha de Mandioca, promovido pelo Sebrae-MA, por meio da Unidade Regional de Pinheiro, em parceria com a Prefeitura Municipal de Bequimão, através da Sala do Empreendedor com o apoio da Secretaria de Agricultura do município e do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Bequimão.

Foram certificados 21 pequenos produtores de farinha das comunidades de Marajá, Areal e Santa Tereza, da zona rural de Bequimão. A capacitação aconteceu no período de 28 a 31 de agosto, na comunidade quilombola de Marajá. O curso serviu para melhorar a produção e a qualidade da farinha que é um dos alimentos mais populares e consumidos no município, tendo a mandiocultura como uma das principais bases da economia local.

Para o Superintendente do Sebrae no Maranhão, a capacitação alavanca a produção e dá qualidade ao produto. “Essa capacitação foi mais uma ação inserida pelo Projeto DET (Desenvolvimento Econômico e Territorial) no Litoral Ocidental, que vem realizando uma série de capacitações e ações de mercado para desenvolver as principais vocações econômicas de cada município incluído nesse território”, explicou o diretor superintendente do Sebrae, João Martins.

Durante a capacitação, os produtores foram orientados para melhorar o aproveitamento do subproduto da mandioca, com a fabricação e produção de sabão, vinagre, molho de pimenta, adubação do solo, carrapaticida e pesticida para o controle de pragas e insetos que atacam as lavouras e ainda aprenderam a aproveitar o tucupi, líquido extraído da mandioca, que antes era desperdiçado. A capacitação foi ministrada pelo especialista em mandiocultura, engenheiro agrônomo e consultor do Sebrae, Nelson Alencar.

 

Prefeitura e Sebrae entregam livros pelo programa JEPP em Bequimão

Cerca de 340 livros foram entregues às escolas das redes pública e privada de ensino da cidade de Bequimão para desenvolvimento da metodologia do programa Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP), no município. A ação aconteceu nesta sexta-feira (24) na Escola Municipal Benedita Gusmão Moraes, localizada no bairro Ferro de Engomar.

A Prefeitura e o Sebrae entregaram os exemplares do material didático a ser utilizado por alunos do 1º ao 9º ano da Escola Municipal Benedita Gusmão Moraes e do Colégio Bequimãoense de Educação Infantil e Ensino Fundamental (Batutinhas), integrantes do Programa JEPP. O evento teve a participação dos diretores, professores e alunos das escolas beneficiadas.

O JEPP é uma metodologia do Programa Nacional de Educação Empreendedora do Sebrae que insere atividades e conteúdos sobre empreendedorismo na rotina das escolas de ensino fundamental.

De acordo com o prefeito de Bequimão, Zé Martins, programas como o JEPP só reforçam o nosso compromisso em trazer produtos e serviços de alta qualidade e de grande benefício à população de Bequimão, onde a ideia é de que eles estejam preparados para atuar e pensar de maneira empreendedora no município. “Nossas crianças e adolescentes serão treinados para despertar a vocação empreendedora. Nós estamos investindo na educação para que este público possa prestar serviços à comunidade como empreendedores no futuro”, destaca o prefeito.

A implantação da educação empreendedora em Bequimão é resultado de uma articulação da superintendência do Sebrae Maranhão, por meio do diretor superintendente, João Martins, junto a Prefeitura Municipal de Bequimão, com a execução da unidade regional do Sebrae em Pinheiro.

Participaram da entrega dos livros, o superindentende do Sebrae Maranhão, João Martins, o prefeito de Bequimão, Zé Martins, o secretário municipal de Indústria e Comércio, Ademar Costa, o gestor de projetos do Sebrae, Fernando Reis, representando a Unidade Regional do Sebrae de Pinheiro e o coordenador da Sala do Empreendedor, Rodrigo Martins, além dos gestores das escolas, professores, alunos e demais convidados.

 

Fotos: Rodrigo Martins

Prefeitura e Sebrae capacitam empresários em Bequimão

Encerrou-se nesta quarta-feira (08) na cidade de Bequimão, no litoral Ocidental Maranhense, o curso “Gestão Financeira” promovido pelo Sebrae/Ma, por meio da Unidade Regional de Pinheiro, em parceria com a Prefeitura Municipal de Bequimão, através da Sala do Empreendedor.

Participaram da capacitação 60 proprietários de pequenos negócios, empresários, empreendedores e potencias empreendedores do município. Os participantes assimilaram as informações técnicas necessárias para controlar, analisar, planejar e investir com mais segurança em seus negócios. Durante a capacitação foram realizadas consultorias individuais junto aos empresários que participaram do curso e algumas mudanças foram aplicadas imediatamente.

Para a consultora de Finanças credenciada do Sebrae, Antônia Santana que ministrou o curso, o interesse genuíno e a dedicação durante as atividades realizadas em sala certamente gerou novos aprendizados, além da motivação para a mudança de comportamento na forma de gerir o negócio. “Foi gratificante ministrar o Curso Gestão Financeira aqui em Bequimão, pois encontrei uma turma repleta de empreendedores e potenciais empreendedores sedentos por conhecimentos para aplicação em suas atividades”, afirmou Antônia.

De acordo com o coordenador da Sala do Empreendedor de Bequimão, Rodrigo Martins, essa é a terceira turma do curso Gestão Financeira já realizada em parceria com o Sebrae. “O curso foi destinado aos empresários interessados em melhorar os resultados na gestão financeira da empresa para o sucesso do empreendimento por uma série de questões práticas que envolvem planejamento financeiro, fluxo de caixa, preço de venda e análise de resultados. A partir do momento em que o empresário diagnostica a real situação financeira do seu empreendimento, ele é capaz de tomar decisões mais rápidas e eficientes”, ressaltou Rodrigo.

O prefeito de Bequimão Zé Martins, destaca a importância da sala do empreendedor como um espaço destinado para a atração de investimentos e para a melhoria do ambiente de negócios do município. “A Sala do Empreendedor é um exemplo de iniciativa que adotamos para fomentar os pequenos negócios e facilitar a vida dos pequenos empreendedores na hora de abrir, formalizar ou fechar uma empresa. É um local de interação entre o cidadão empreendedor e a gestão municipal”, explica o prefeito Zé Martins.

Os interessados em receber atendimento ou participar de cursos oferecidos pela prefeitura em parceria com o Sebrae e demais instituições, podem procurar a Sala do Empreendedor. A sala está com uma agenda mensal de capacitações, consultorias, orientações, formalizações e atendimentos que envolvem diversos temas. O princípio básico da Sala do Empreendedor é reduzir a burocracia e simplificar a vida de quem deseja começar o próprio negócio.

Fotos: Rodrigo Martins

Sebrae e Prefeitura promovem o curso “Gestão Financeira” em Bequimão

Uma turma de 55 pequenos empresários, comerciantes e potenciais empreendedores estão participando do curso Gestão Financeira, promovido pelo Sebrae/Ma, por meio da Unidade Regional de Pinheiro, em parceria com a Prefeitura Municipal de Bequimão, através da Sala do Empreendedor.

O objetivo do curso visa estimular a mudança de comportamento na gestão das empresas locais, bem como demonstrar a importância da gestão financeira, disponibilizando instrumentos e informações que permitirão administrar o caixa, fazer o fluxo de caixa, planejar os gastos e investir com mais segurança no seu empreendimento. O curso se estenderá até a próxima quarta-feira (08).

Fotos: Rodrigo Martins

Prefeitura e Sebrae realizam curso para Mulheres Empreendedoras em Bequimão

Fomentar a visão empreendedora entre as mulheres, estimulando-as a transformar suas realidades através do seu próprio trabalho, foram um dos objetivos do curso Mulheres Empreendedoras realizado na cidade de Bequimão no período de 22 a 24 de maio, promovido pelo Sebrae/Ma, através da Unidade Regional de Pinheiro, em parceria com a Prefeitura Municipal de Bequimão, por meio da Sala do Empreendedor com o apoio do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (STTR) e do Centro de Referencia de Assistência Social (CRAS).

Participaram das duas turmas do curso 41 empresárias e potenciais empreendedoras do município que foram orientadas a compreender, o conceito de empreendedorismo e as características do comportamento empreendedor. Nesse encontro, as mulheres identificaram seus potenciais e talentos empreendedores, analisaram as oportunidades de negócios e refletiram sobre as ações necessárias para a implementação e criação de um negócio.

A consultora e instrutora do Sebrae Maranhão, Simone Saraiva conduziu as atividades, com foco no tema “Escrevendo a historia do empreendedorismo feminino”. Simone destacou o entusiasmo das mulheres com o tema e trabalhou dinâmicas voltadas para a valorização das mulheres enquanto empreendedoras do seu próprio negócio.

Para Rodrigo Martins, coordenador da Sala do Empreendedor, “o curso contribuiu para fortalecer a autoestima e ajudar as mulheres a perceberem formas de transformar a realidade da mulher no mercado de trabalho, permitindo que elas alcancem mais autonomia econômica e social”, destacou.

Participaram da entrega dos certificados, a gerente regional do Sebrae, da Unidade de Pinheiro, Graça Fernandes; o secretário municipal de Saúde, Sidney Bouéres; e o Coordenador da Sala do Empreendedor, Rodrigo Martins.

Fotos: Rodrigo Martins

Sebrae realiza curso para Mulheres Empreendedoras em Bequimão

As mulheres são responsáveis pela maioria dos novos empreendimentos no Brasil, 52% frente a 48% dos negócios tocados por homens. Elas também costumam abrir uma empresa mais por oportunidade do que por necessidade. Ainda assim, muitas têm dificuldades em se enxergarem como empreendedoras.

Atento a este movimento, o Sebrae/Ma, através da Unidade Regional de Pinheiro em parceria com a Prefeitura Municipal de Bequimão, por meio da Sala do Empreendedor, com o apoio do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (STTR), realizará o curso Mulheres Empreendedoras, entre os dias 22 e 25 de maio no Centro de Referencia de Assistência Social (CRAS), localizado na Rua Gedeon Araújo, em frente ao estádio municipal Vivaldão.

O curso tem como objetivo mostrar às mulheres os meios de desenvolver e aperfeiçoar ações empreendedoras nos locais onde vivem, gerando emprego e renda e permitindo que elas adquiram mais autonomia econômica e social.

Durante o curso, serão apresentados conteúdos como ferramentas, conceitos e métodos de trabalho, além de reflexões sobre o espaço da mulher no mercado de trabalho e como desenvolver ações empreendedoras analisando as oportunidades de negócio.

A Capacitação busca reforçar, a autonomia econômica e social do público feminino, hoje responsável por 43% dos negócios brasileiros. A mulher tem conquistado cada vez mais o mercado de trabalho. Hoje, mais de 5,5 milhões de mulheres empreendem, sendo donas de 43% dos negócios no país.

Para o coordenador da Sala do Empreendedor em Bequimão, Rodrigo Martins, “o curso busca fortalecer a autoestima das mulheres e a capacidade delas de iniciarem, em suas atividades locais, ações empreendedoras que transformem seus ambientes e, sobretudo, gerem renda e ocupação”, explicou.

As inscrições são gratuitas e já estão abertas e as vagas são limitadas. Interessadas podem dirigir-se à Sala do Empreendedor, localizada na Avenida Antônio Dino, s/n – Centro, em frente a Praça do Cemitério. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones: 99607 2134 e 98153 7932.

Quem pode fazer este curso?
Mulher empreendedora ou potencial empreendedora.

 

EMAP vence prêmio de responsabilidade socioambiental

Equipe EMAP com os finalistas, representantes da Codesa e do Portocel. (Foto: Divulgação)

A EMAP – Empresa Maranhense de Administração Portuária venceu o 1º Prêmio Portos e Navios de Responsabilidade Socioambiental. A premiação foi criada em comemoração aos 60 anos da revista Portos e Navios, principal publicação do setor portuário brasileiro, e foi entregue durante o Ecobrasil 2018 – 14º Seminário Nacional sobre Indústria Marítima e Meio Ambiente, realizado no Rio de Janeiro. A gerente de Comunicação e Relações Institucionais, Deborah Baesse, recebeu o prêmio ao lado da gestora de Meio Ambiente, Gabriela Heckler.

O projeto Desenvolvimento local a partir do Terminal do Cujupe, que alcançou o primeiro lugar, concorreu com iniciativas de diversos portos do país e foi finalista ao lado dos projetos apresentados pela Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa) e Terminal Especializado de Barra do Riacho (Portocel).

“É um reconhecimento importante, que nos orgulha muito e demonstra o papel que, nós, como porto público, temos para o desenvolvimento sustentável do Maranhão. Esse é um projeto que busca aproximar o Porto do Itaqui, através dos seus terminais externos, da comunidade, entendendo o impacto econômico e social de suas operações para a população da região”, afirma o presidente da EMAP, Ted Lago. Ele destaca ainda que a ação está alinhada com a missão confiada à EMAP pelo governador Flávio Dino, de administrar o Itaqui e seus terminais como ferramentas de prosperidade para o estado.

Os projetos foram selecionados com base na relevância para a comunidade ou meio ambiente, criatividade e soluções desenvolvidas, meios destinados para a execução, engajamento humano e resultados aferidos, independente de seu porte financeiro.
“Esse prêmio reconhece o esforço da EMAP em contribuir para o desenvolvimento do estado a partir das comunidades que vivem próximas às nossas operações. Todos os setores da empresa participam direta ou indiretamente para o sucesso dessa iniciativa”, disse Deborah Baesse.

Integração e geração de renda

Com o objetivo de promover a interação porto-cidade por meio da capacitação e inclusão dos vendedores ambulantes na estrutura do novo terminal de Cujupe, o projeto da EMAP foi desenvolvido com o compromisso de disponibilizar os meios necessários para garantir e incrementar a renda das famílias envolvidas, bem como a qualidade e variedade dos produtos ofertados aos usuários do terminal.

A iniciativa nasceu de forma paralela ao projeto de construção do novo terminal de transporte aquaviário e se propôs a beneficiar de forma direta os 90 associados da AVTEC – Associação dos Vendedores Ambulantes do Terminal do Cujupe e suas famílias, chegando a cerca de 200 pessoas.

A gerente de Comunicação e Relações Institucionais, Deborah Baesse, recebeu o prêmio ao lado da gestora de Meio Ambiente, Gabriela Heckler. (Foto: Divulgação)

Linha do tempo

1ª ETAPA: O projeto começou em 2015 com a estratégia de aproximação por meio de ações sociais no Terminal. “O objetivo, neste primeiro momento, foi construir vínculo e restabelecer a confiança mútua”, explica Deborah. O programa Porto Comunidade, naquele ano, atendeu 3,1 mil pessoas em ações de saúde, educação, esporte, lazer e cidadania. No mesmo período começou a preparação para inserção da mão de obra local na construção do termina. A maioria dos trabalhadores da obra são moradores de Alcântara, Bequimão e Pinheiro.

2ª ETAPA: Estabelecimento do marco zero do projeto, com base em diagnóstico e estudo situacional. Foi realizada uma pesquisa junto aos vendedores e passageiros, com apoio do SEBRAE-MA, com o objetivo de mapear o público-alvo para dimensionar as ações a serem desenvolvidas.

Capacitação do Sebrae no Cujupe

O Sebrae Maranhão vem realizando capacitações nas áreas de gestão, empreendedorismo, finanças e planejamento.

3ª ETAPA: Dedicada à formação profissional, teve como resultado a realização de capacitações em manuseio de alimentos, empreendedorismo, associativismo, gestão financeira, qualidade no atendimento, educação ambiental e segurança do trabalho. Também foram alcançadas melhorias efetivas na confecção, apresentação e comercialização dos produtos; definição de novos negócios; incentivo à formalização como MEI – microempreendedores individuais e redução dos eventos policiais.

4ª ETAPA: Essa fase do projeto teve como foco o pertencimento e contou com uma ação de Comunicação e Marketing para criação da marca. Os associados participaram de uma oficina de name para juntos construírem a identidade do grupo, que recebeu o nome de Manguará, resultado das palavras mangue e guará. O mangue como vegetação nativa da região, ligada à terra e ao mar; e o guará, ave típica que tira seu alimento do mangue, é capaz de voar alto e espalha beleza na paisagem. Após a definição do nome a equipe de Comunicação e Marketing da EMAP criou a marca, que será impressa no uniforme de trabalho fornecido pela EMAP, composto de touca, camiseta e avental.

5ª ETAPA: Ponto alto do projeto é a formalização, com a assinatura do contrato de Cessão Onerosa entre a AVTEC e a EMAP, que põe fim à condição de ambulantes, legalizando e profissionalizando a relação institucional.

O Sebrae Maranhão realizou ainda capacitações sobre boas práticas na manipulação de alimentos e gastronomia, com o objetivo de melhorar os produtos ofertados no porto.

6ª ETAPA: Inauguração do novo Terminal do Cujupe, com todos os boxes mobiliados e equipados e os comerciantes tendo recebido a última etapa do treinamento (até julho 2018).
Após a entrega do terminal, como ações futuras de melhoria contínua dos produtos e serviços está prevista a adequação das cozinhas e apoio constante da área de Responsabilidade Social da EMAP ao grupo de empreendedores da AVTEC.

RAIO X

Povoado que pertence ao município de Alcântara – MA, que conta com uma população de 21.851 pessoas. De acordo com dados do IBGE, 56,4% da população de Alcântara vive com até ½ salário mínimo; apenas 4,3% da população possuem uma ocupação e 60% dos habitantes está na faixa etária entre 17 a 59 anos. O povoado fica a 55 quilômetros da sede de Alcântara e é formado por cerca de 600 moradores.